Pular para o conteúdo
Voltar

Servidores serão qualificados para instalação e desinstalação da tornozeleira eletrônica

Capacitação é importante devido ao aumento de monitorados em Mato Grosso, atualmente, 3.720 pessoas
Débora Siqueira | Sesp/MT

Tornozeleira eletrônica - Foto por: Assessoria
Tornozeleira eletrônica
A | A

A Coordenadoria de Monitoramento Eletrônico e de Pessoas da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), em parceria com a Escola Penitenciária, vai qualificar servidores das 53 unidades penais de Mato Grosso para instalação e desinstalação das tornozeleiras eletrônicas e o recebimento dos documentos do juiz com as informações sobre as restrições de cada monitorado.

De acordo com o coordenador de Monitoramento Eletrônico e de Pessoas, Leonardo da Silva Ferreira, a capacitação é importante devido ao aumento de monitorados em Mato Grosso, atualmente são 3.720 pessoas, além do uso mais frequente do mecanismo pelo Poder Judiciário.

“As imagens são centralizadas aqui em Cuiabá, mas é importante que o servidor na ponta saiba instalar o equipamento, informar os horários que cada magistrado determinou a cada um dos presos. Serão 40 horas de treinamento e depois os servidores podem disseminar aos demais”, destacou Leonardo.

A qualificação começa pelo pólo de Juína, na segunda-feira (03.02). Além da cidade, eles devem percorrer Porto dos Gaúchos, Juara e Colniza nas próximas semanas. A previsão é de percorrer todo Estado, nos 52 estabelecimentos penais, até o final do primeiro semestre.