Pular para o conteúdo
Voltar

Recuperandos da Cadeia Pública de Barra do Garças trabalham na revitalização de prédios públicos

Para cada três dias trabalhados, um dia da pena é descontado da pessoa privada de liberdade
Juliano Patrick | Sesp-MT

- Foto por: Sistema Penitenciário
A | A

Nove reeducandos da Cadeia Pública de Barra do Garças (516 km de Cuiabá) estão trabalhando na revitalização de três prédios públicos do município. A ação faz parte de uma parceria desenvolvida entre a unidade, órgãos do Estado e do Município.

A obra de revitalização acontece nos prédios da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Socioeducativo. No local, os reeducandos realizam a pintura, o reparo e a construção de paredes. 

Além das reformas, os recuperandos contam com remição de pena por leitura e artesanatos, por meio do projeto Costurando Sonhos, realizado dentro da própria unidade penal, que confecciona tapetes, uniformes e outros materiais.

O diretor da unidade, Maicon da Costa Oliveira, destaca que os projetos têm um efeito muito positivo, além de serem importantes para o aprendizado, dando oportunidade de ressocializar essas pessoas privadas de liberdade. 

“O recuperando aprende uma atividade, é dada essa oportunidade e ele, além de ganharem a remição, eles estão tendo a chance de serem reinseridos na sociedade novamente. Nós percebemos que o fato de oferecer essa chance é muito importante”, pontuou o diretor. 

Todos os reeducandos podem ter acesso aos projetos da unidade, desde que tenham bom comportamento dentro do cárcere.  

De acordo com a Lei de Execução Penal (LEP), a cada três dias trabalhados, um dia da pena é descontado da pessoa privada de liberdade.

(Com supervisão de Nara Assis)