Pular para o conteúdo
Voltar

Polícia Civil cumpre 28 ordens judiciais contra organização criminosa

As investigações iniciaram em 2019, identificando o envolvimento do grupo em crimes de tráfico de drogas, homicídios e tortura
Assessoria PJC | Sesp-MT

A | A

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Poxoréu, deflagrou, nesta quinta-feira (07.10), a “Operação Lapidação” para cumprimento de 28 ordens judiciais contra uma organização criminosa atuante em todo Estado de Mato Grosso, envolvida em crimes de tráfico de drogas, homicídios e tortura.

Na operação foi dado cumprimento a 23 mandados de prisão, cinco de busca e apreensão, além de dois bloqueios de contas bancárias e quatro prisões em flagrante por porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas. As ordens judiciais foram cumpridas nas cidades de Poxoréu, Rondonópolis, Guiratinga, Pedra Preta, Cuiabá e Comodoro.

Os mandados judiciais foram expedidos pela 7° Vara Criminal de Cuiabá, especializada contra o crime organizado. A operação contou com a participação de aproximadamente 47 policiais civis da Regional de Primavera do Leste, Delegacia de Guiratinga e apoio da Polícia Militar de Pedra Preta.

Investigações

As investigações que desencadearam na operação iniciaram em 2019, sendo possível identificar integrantes da organização criminosa e o envolvimento do grupo na prática de diversos crimes.

Dentre os crimes elucidados na Operação Lapidação está o homicídio que vitimou Danilo de Moura Barbosa, ocorrido no dia 11 de março de 2019 na cidade Poxóreu, ocasião em que a vítima foi alvejada por disparos de arma de fogo em frente a sua residência.

Em relação às contas bancárias bloqueadas, após análise do Laboratório de Tecnologia Contra a Lavagem de Dinheiro da Polícia Civil, foi possível identificar a movimentação financeira realizada pelo grupo entre os anos de 2017 e 2019, que totalizam mais de R$ 4 milhões.